iPad 10 é bom? Vale a pena? Análise/Review (iPad 10ª Geração)

A linha menos cara de iPads finalmente ganhou uma atenção especial da Apple e com isso, o design, a tela, as câmeras e o processador foram atualizados. Mas será que vale a pena comprar? É o que vamos te contar!

⚪️ Confira o preço na Amazon: clique aqui!

🔴 Confira o preço no Carrefour: clique aqui!

🟠 Confira o preço na Fast Shop: clique aqui!

🔵 Confira o preço no Magazine Luíza: clique aqui!

Pontos Positivos

O antigo design finalmente foi aposentado e agora, o iPad de entrada está com uma cara mais atual. Na frente, as bordas ficaram muito mais finas, dando um aproveitamento melhor ao display. A traseira continua bem clean, e nela vemos somente o símbolo da maçã. Dos lados, estão as saídas de som, os botões de volume e o botão de energia, que agora abriga o Touch ID, que a propósito, é bem rápido. O acabamento do tablet continua excelente e o dispositivo é leve e tem um manuseio muito confortável. 

A tela do iPad 10 é do tipo Liquid Retina IPS LCD e possui resolução de 1640 x 2360 pixels com 264 ppi de densidade. Mesmo não sendo OLED, a tela é muito boa, pois tem brilho forte, cores intensas e amplos ângulos de visão.

A qualidade de som também é excelente. Os quatro alto-falantes estéreo proporcionam um áudio com volume alto, frequências encorpadas e muito equilibradas. Para consumo de conteúdo, o iPad é um prato cheio. 

Mas o desempenho? O iPad 10 possui um chip Apple A14 Bionic e 4 GB de RAM. Os processadores desenvolvidos pela Maçã apresentam uma performance muito sólida e por aqui não é diferente. Com este iPad você conseguirá fazer qualquer tipo de atividade, desde trabalhar com fotos até editar vídeos. Praticamente qualquer app da App Store funcionará bem no aparelho e mesmo jogos pesados como PUBG, COD ou Genshin Impact rodam com gráficos no alto, sem nenhum travamento. A performance é um ponto alto deste modelo. 

O iPad OS é um sistema bem completo, além de ser fluido e fácil de usar. Aqui vemos os recursos de modo de tela dividia, apps em janela flutuante estão disponíveis e ainda há um aplicativo de arquivos muito competente. Além disso, o software também suporta mouses e teclados, o que deixa a experiência próxima a de um desktop. 

A Apple vende à parte o teclado Magic Keyboard. A integração do acessório com o sistema é ótima e basta conectá-lo na lateral e começar a usar. Há ainda uma capa na parte de trás, que ajuda a proteger o tablet e ainda mantém a tela de pé. Vale ressaltar que este iPad também é compatível com a Apple Pencil de primeira geração, o que é ótimo para quem gosta de escrever a mão ou desenhar.  

A grande novidade deste iPad é a sua entrada, que agora é USB-C. Isso expande as possibilidades, pois agora é mais fácil acoplar acessórios como pen-drives, HDs externos, microfones e mais. 

Tanto a câmera traseira quanto a frontal possuem 12 megapixels. Os sensores são funcionais e fazem fotos e vídeos com uma boa qualidade. 

A fabricante afirma que o tablet fica longe da tomada por 10 horas. Em uso moderado, navegando na internet, assistindo vídeos e jogando por algumas horas, o tempo de tela, foi de 8 horas e 30 minutos, marca muito próxima da anunciada. Então, para a maioria das pessoas bateria não será um problema. Já o tempo de carregamento foi de 2 horas e 30 minutos. 

No mais, o iPad 10 conta com Bluetooth 5.2, GPS e existem modelos com Wi-Fi e 4G ou somente com Wi-Fi. 

Pontos Negativos

iPad novo mas reclamações antigas. Os acessórios, como capinhas e a caneta devem ser comprados à parte e o preço é elevado. Felizmente, hoje há uma compatibilidade maior com acessórios de outras fabricantes e você pode optar por modelos menos caros. 

Além disso, a Apple Pencil de primeira geração tem uma entrada lightning, ou seja, você precisará comprar um adaptador para poder carregar a caneta no iPad 10.

A versão mais básica só possui 64GB, um espaço considerado pequeno atualmente. 

Por fim, a tela é boa, mas ainda perde para outros iPads ou concorrentes diretos, como o Galaxy Tab S8 da Samsung. 

Mas para concluir, será que o iPad de décima geração vale a pena? O tablet é sim um excelente aparelho e as melhorias feitas pela Maçã são muito bem vindas. Então, para estudar, jogar, consumir conteúdos e trabalhar, o iPad 10 atenderá muito bem e por muitos anos. Entretanto, o preço elevado dos acessórios e Apple Pencil que funciona na base da gambiarra, são pontos a se levar em consideração, pois o iPad Air, que tem preço similar, já tem chip M1, que é mais poderoso e dá o suporte a Apple Pencil de segunda geração, que se adapta melhor ao dispositivo. Então, avalie os preços antes de comprar. 

⚪️ Confira o preço na Amazon: clique aqui!

🔴 Confira o preço no Carrefour: clique aqui!

🟠 Confira o preço na Fast Shop: clique aqui!

🔵 Confira o preço no Magazine Luíza: clique aqui!


Imagens: iMod Official. 

Mais Sobre
  • Sistema: iPadOS 16. 
  • Dimensões: 248.6 x 179.5 x 7 mm. 
  • Peso: 481g. 
  • Processador: Apple A14 Bionic. 
  • RAM: 4GB. 
  • Memória Máxima: 256 GB. 
  • Tela: Liquid Retina IPS LCD de 10.9 polegadas.
  • Resolução: 1640 x 2360 pixel. 
  • Densidade de pixels: 264 ppi. 
  • FPS: 60 Hz. 
  • Câmeras Traseira e Frontal: 12 Mp. 
  • Gravação de Vídeos: 4K. 
  • Wi-Fi: 802.11 a/b/g/n/ac/6. 
  • Bluetooth: 5.2. 
  • USB: Tipo C 2.0. 
  • Sensores: Acelerômetro, giroscópio, barômetro, impressão digital e microfone de redução de ruído. 
  • Bateria: não divulgado. 
  • Nota Final: 8/10. 
Redação EB

Compartilhamos ideias sobre produtos e serviços da forma mais simples pra você! :)

Postagem Anterior Próxima Postagem